Santuário Arquidiocesano

Ermida da Padroeira de Minas - Basílica da Piedade

08h

15h
17h
15h
09h
15h
15h
09h
15h
15h
11h
15h

Basílica Estadual das Romarias

Domingo
09h30
11h
Você está em:

Núncio Apostólico no Brasil, dom Giambattista Diquattro, conhece importantes referências da Arquidiocese de Belo Horizonte

O Núncio Apostólico no Brasil, dom Giambattista Diquattro, na oportunidade de sua passagem por Belo Horizonte, esteve na companhia de dom Walmor Oliveira de Azevedo, em visita à PUCMinas, Catedral Cristo Rei, ao Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade – Padroeira de Minas Gerais, em Caeté, e ao Convivium Emaús.

Dom Giambattista Diquattro foi nomeado Núncio Apostólico no Brasil pelo Papa Francisco no dia 29 de agosto de 2020 e iniciou sua missão no país em 7 de janeiro de 2021.

O Núncio nasceu em Bolonha, Emília-Romanha, Itália, em 18 de março de 1954. É arcebispo, diplomata, teólogo e canonista. Foi ordenado sacerdote em 1981. É mestre em Direito Civil na Universidade de Catânia e doutor em Direito Canônico pela Pontifícia Universidade Lateranense, em Roma. Também é mestre em Teologia Dogmática pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma.

Entrou para o Serviço Diplomático da Santa Sé em 1º de maio de 1985, e serviu em missões diplomáticas nas representações pontifícias na República Centro-Africana, República Democrática do Congo e Chade, nas Nações Unidas em Nova York, e, mais tarde, na Secretaria de Estado do Vaticano e na Nunciatura Apostólica na Itália. O Papa João Paulo II o nomeou Núncio Apostólico no Panamá, em 2 de abril de 2005. Bento XVI o nomeou Núncio Apostólico na Bolívia, em 21 de novembro de 2008, e, em 21 de janeiro de 2017, o Papa Francisco o nomeou Núncio Apostólico na Índia e no Nepal.

VEJA TAMBÉM